ūüďł Galeria: Matt Turner se junta ao Arsenal

Nosso novo goleiro Matt Turner não conseguiu esconder sua alegria por finalmente colocar a caneta no papel e confirmar sua transferência para o Arsenal.

O goleiro, que completou 28 anos na sexta-feira, assinou um contrato de longo prazo com o New England Revolution, da MLS.

Depois de assinar seu contrato ‚Äď e ser levado em um tour por London Colney pelo diretor t√©cnico Edu ‚Äď Matt sentou-se com nosso pr√≥prio Frimmy para discutir a mudan√ßa.

Aqui est√° o que ele disse…

F: Matty! Você finalmente está aqui, parece que já faz um tempo para ser honesto, você está feliz por estar no Arsenal?

MT: Sim, já faz um tempo, mas é bom finalmente estar aqui, obviamente, muita construção, muitas entrevistas, isso e aquilo, mas estar aqui e se preparar para trabalhar é muito, muito bom

F: Voc√™ sabe que √†s vezes √© estranho, voc√™ n√£o ouve rumores com jogadores que est√£o indo ou vindo, e ent√£o quando eles chegam aqui voc√™ tem que correr para conhec√™-los. Mas n√≥s meio que sab√≠amos que voc√™ viria por um tempo agora, como ainda estava jogando nos Estados Unidos, mas ainda sabendo que voc√™ viria para o Arsenal…

MT: Sim, foi um pouco complicado √†s vezes, mas o bom foi que pude acompanhar o final da √ļltima temporada e assistir a todos os jogos que o Arsenal estava jogando, e realmente sinto que fiz parte disso, o que foi interessante , mas eu tive uma pequena les√£o que me manteve afastado por um tempo, ent√£o realmente meu foco nos √ļltimos meses foi apenas voltar √† plena forma f√≠sica e depois jogar alguns jogos para ganhar ritmo, e isso est√° levando muito bem ao in√≠cio do pr√©-temporada aqui.

F: Qual foi a les√£o? Foi longo?

MT: N√£o, fiquei fora por alguns meses, um pequeno, um pequeno que demorou um pouco.

F: Obviamente, nós sabíamos que você viria por um tempo, muitos torcedores do Arsenal estavam ligando para os DMs para ver quando iríamos vê-lo em uma camisa?

MT: Eu direi que os torcedores do Arsenal são bastante ativos nas redes sociais, eu pude ver isso nos comentários do Instagram e outras coisas que foi muito bom se sentir bem-vindo, saber que há apoio para a mudança, que as pessoas estão animadas para ver me venha, isso é muito bom porque estou muito, muito animado por estar aqui.

F: Sim, os torcedores do Arsenal disseram que eu precisava vir aqui e você sabe, verifique a vibração, é claro que você é um grande fã do Arsenal, como e quando você se tornou um fã do Arsenal?

MT: Então eu cresci em North Jersey, eu não joguei futebol até os 14 anos, então assim que isso aconteceu, a Copa do Mundo chegou em 2010, eu realmente comecei a me interessar pelo futebol. Os Estados Unidos tiveram uma ótima campanha naquele torneio, alguns momentos mágicos eu vou chamá-lo, e de lá eu comprei meu primeiro jogo da Fifa, minhas irmãs jogaram em um time juvenil chamado The Arsenal crescendo, então foi meio que um conexão natural ali, e a partir daí comecei a acompanhar a equipe bem de perto e o resto da minha família também.

F: Houve algum jogo ou jogador que chamou sua atenção quando você estava crescendo assistindo ao Arsenal?

MT: Obviamente, há alguns anos divertidos com Olivier Giroud marcando gols, ele sempre foi divertido de assistir, minha irmã tinha uma grande queda por ele, então foi muito engraçado, ele é um cara bonito.

F: Tenho que dar isso a ele!

MT: Todos realmente, desde o início em 2013/2014, 2011/2012, aquelas equipes, Per Mertesacker, Wojciech Szczesny quando ele estava aqui, apenas uma equipe divertida de assistir, emocionante, Alexis Sanchez, muito poder de tiro e muito talento, então eles são um bom time para torcer e quando eu fui para a universidade eu fui com um monte de caras que eram da Inglaterra, então eles vieram, e todos eles são fãs de clubes diferentes, e então as manhãs de sábado e domingo nos EUA sempre eram um bom momento para assistirmos ao Prem juntos.

F: Você já conversou com o Mikel?

MT: Claro, sim, estivemos em contato nos √ļltimos meses, ele me procurou algumas vezes, e come√ßamos a desenvolver esse relacionamento.

F: Então você disse que falou com Mikel РInaki, você também falou com ele?

MT: Ele também, sim, contato muito próximo, especialmente quando eu estava de volta jogando, olhando algumas coisas, alguns clipes e apenas falando sobre jogos, e vendo clipes de treinamento, e esse tipo de coisa, então o vai e vem foi muito, muito legal, então, novamente, essa é outra maneira de me sentir como se fosse parte do clube, mesmo que eu não estivesse aqui no norte de Londres.

F: Claro, como eu disse, você é um grande fã do Arsenal. Teve que acordar cedo para assistir a algum dos nossos jogos? Eles são alguns jogos que se destacam em você que você se lembra?

MT: Não consigo me lembrar de quem eles estavam jogando, mas houve algumas vezes ao longo dos meus anos, quando fiquei um pouco mais velho, onde minha irmã morava em Manhattan e íamos a bares de torcedores locais e assistíamos a jogos, então você seria muito cedo nos EUA, mas sempre foi um bom momento para toda a nossa família apenas assistir aos jogos e apoiar o time.

F: N√£o vou mentir, eu estava na Am√©rica, acho que h√° alguns meses, e estava l√° quando jogamos contra o Chelsea, tudo bem porque era meio que √† tarde, mas o do Manchester United, eram quatro horas da manh√£, eu tinha acabado de voltar de um festival, tentei ficar acordado, adormeci, acordei e fiquei tipo ‘n√≥s ganhamos… isso √© √≥timo!’ Ent√£o voc√™ n√£o teve que se levantar muito?

MT: Sim, eu acordava cedo, mas na costa leste, o jogo mais cedo é 7h30, então não é muito cedo! Sendo pai em breve, sei que 7h30 não é muito cedo.

F: Claro que você vai ser pai em breve, você está animado para isso?

MT: Extremamente animado e abençoado, vai ser uma grande jornada e agora é apenas o ponto de partida para muitas grandes mudanças na minha vida com as quais estou animado.

F: √Č uma grande mudan√ßa e se mudar da Am√©rica, ouvi dizer que voc√™ trouxe os cachorros tamb√©m?

MT: Eu trouxe os cachorros, sim! Esse foi provavelmente o momento mais estressante de tudo, mas os c√£es conseguiram, est√£o seguros e est√£o curtindo seu novo arp√£o.

F: Qual é o nome dos cachorros?

MT: Urso, urso √© um pouco da Pomer√Ęnia e Kounoupiaki ele √© um Morkie. Acho que em grego significa ‘pequeno mosquito’, dou cr√©dito √† minha esposa por isso.

F: Adoro isso! Claro que voc√™ tamb√©m tem algumas conex√Ķes europ√©ias, que conex√£o √© essa? Acho que voc√™ √© da Litu√Ęnia?

MT: Sim, sou lituano por descend√™ncia dos meus bisav√≥s e consegui restabelecer minha cidadania l√° tamb√©m, ent√£o tenho um passaporte de duelo entre a Am√©rica e a Litu√Ęnia.

F: Droga. Ent√£o √© claro que estamos na Europa, ent√£o vamos viajar pela Europa, acha que voc√™ vai dar uma visitinha √† Litu√Ęnia?

MT: Eu tenho que, com certeza. Estou muito animado para fazer isso tamb√©m. Todo o processo de restabelecimento da cidadania, na Am√©rica, quando todo mundo meio que tem uma hist√≥ria sobre seus antecedentes e hist√≥ria e para mim e meu pai, fomos capazes de fazer essa jornada, n√£o sab√≠amos muito sobre o lado dele da fam√≠lia, e quando acabamos encontrando alguns pap√©is antigos e come√ßamos aquela jornada de aprender um pouco mais sobre nossa heran√ßa, e isso foi um excelente exerc√≠cio de v√≠nculo e voc√™ sabe um pouco mais sobre quem voc√™ √©. Ent√£o, definitivamente estou ansioso para ir para a Litu√Ęnia, porque logo depois de obter minha cidadania, o mundo fechou!

F: Isso √© m√°goa. Quando eu estava crescendo, n√£o havia muitos jogadores americanos jogando na liga, mas uma posi√ß√£o em que voc√™ mandava… goleiros. Claro que tivemos jogadores como Brad Friedel e Tim Howard, voc√™ os viu crescendo?

MT: Claro que sim, Brad Friedel me treinou no New England Revolution, ele é quem me deu minha estreia na MLS na verdade.

F: Isso é droga!

MT: Ent√£o eu sou muito pr√≥ximo dele. Eu amo Tim Howard, ele provavelmente foi meu √≠dolo de goleiro quando comecei a ficar um pouco mais velho e a apreci√°-lo cada vez mais, tamb√©m de Nova Jersey, como eu, e sempre tive talento para me apresentar bem em grandes palcos. √Č definitivamente uma coisa de cultura com os goleiros, acho que √© algo a ver com o hist√≥rico de todos os esportes diferentes na Am√©rica.

F: Adoro isso. Claro, você acabou de chegar aqui, em breve vamos voltar para a América para nossa turnê, você está animado para ver Baltimore e Flórida?

MT: Sim, estou muito animado para voltar aos Estados Unidos, mostrar aos caras, contar o que sei sobre essas √°reas e ser√° uma boa maneira de me integrar ao grupo, certo, conhecer o caras um pouco melhor e apenas para ter essa conex√£o imediata. Isso e o fato de termos empatado com a Inglaterra na Copa do Mundo!

F: Você acabou de chegar, mas em breve voltaremos em turnê. Você está animado para ver Baltimore e Flórida?

MT: Sim, estou muito animado para voltar aos Estados Unidos, mostrar aos caras, dizer a eles o que sei sobre essas √°reas. Ser√° uma boa maneira de me integrar ao grupo, certo? Para conhecer os caras um pouco melhor, e apenas para obter essa conex√£o imediata. Isso e o fato de termos empatado com a Inglaterra na Copa do Mundo.

F: Escute, eu vou sair em turnê também, então você tem que me mostrar o lugar também.

MT: Eu vou te mostrar, a qualquer hora. Deixe-me saber o que você precisa e eu vou resolver você.

F: O que eu preciso, deixe-me voltar para você sobre isso.

MT: N√£o pense muito!

F: Você conhece algum jogador americano que joga no Reino Unido?

MT: Sim, eu sou um bom amigo de Christian Pulisic, então obviamente ele está no Chelsea. E também sou amigo de Brenden Aaronson, que acabou de se inscrever no Leeds. Isso é um pouco mais longe, eu sei, então Antonee Robinson no Fulham e Christian Pulisic no Chelsea, espero passar algum tempo com eles e criar esses relacionamentos fora do campo também. Eu tenho um primo que mora em Londres e, obviamente, alguns dos meus amigos da Uni ainda vivem em Londres e arredores. Que é bom.

F: Você visita muito Londres então?

MT: Então eu visitei apenas uma vez quando eu tinha 18 ou 19 anos. Eu estava em Manchester principalmente. Manchester e depois fomos para os Lagos também para uma coisa de véspera de Ano Novo, depois voltamos para Londres por um dia ou dois. Foi agradável. Eu definitivamente tenho muito mais da cidade para explorar e ver e ver através dos meus olhos agora comparado a quando eu tinha 18 anos será bem diferente, tenho certeza.

F: Como você prefere ser chamado, Matt ou Matty?

MT: O primeiro nome Matty ou Matt é bom, Turner também é bom. O que quer que mais agrade os fãs ou os faça se sentir mais conectados é o que eu vou seguir.

F: Acabamos de saber qual ser√° o seu n√ļmero para esta temporada, o n√ļmero 30, h√° alguma raz√£o pela qual voc√™ escolheu esse n√ļmero?

MT: Muito simples. Era o meu n√ļmero na Nova Inglaterra, √© um n√ļmero com o qual desenvolvi uma conex√£o pr√≥xima. Obviamente, eu queria ser o n√ļmero um ou 12 quando cheguei √† Nova Inglaterra, eles meio que me deixaram de lado e disseram ‘n√£o, aqui est√° o n√ļmero 30’. Em vez de fazer um grande alarido sobre isso, eu meio que o fiz do meu jeito. √Č um n√ļmero com o qual me sinto conectada, al√©m disso, ganhei um colar com o n√ļmero 30, ent√£o agora n√£o preciso comprar um novo!

F: Adoro isso! Temos um grande personagem em nosso elenco, atualmente nosso n√ļmero um, Aaron Ramsdale. Voc√™ sabe alguma coisa sobre ele?

MT: Sim, ele e eu estivemos em contato. Ele checou comigo, certifique-se de que estou me adaptando bem. Ele parece um grande cara, estou ansioso para não apenas conhecê-lo, mas torná-lo um goleiro melhor e empurrá-lo para ser o seu melhor.

F: Acho que voc√™ viu o jogo dele contra o Leicester? Espero ver alguns… na verdade, espero que a defesa esteja montada o suficiente…

MT: Sim, vamos esperar que os defensores lidem com o negócio!

Copyright 2022 The Arsenal Football Club plc. A permiss√£o para usar cita√ß√Ķes deste artigo √© concedida sujeita ao cr√©dito apropriado sendo dado a www.arsenal.com como fonte.

We want to thank the writer of this write-up for this remarkable web content

ūüďł Galeria: Matt Turner se junta ao Arsenal


Visit our social media profiles and also other related pageshttps://topfut.com/related-pages/